Por quem os sinos dobram

Posso ser um ignorante selvagem, mas Hemingway, para mim, é a maior fraude da literatura.

Por que ninguém fala que seus personagens masculinos são sempre uns viadinhos chorões, por mais machos que queiram parecer?

Por que suas mulheres, mesmo a combatente Maria, são sempre umas idiotas que se contentam em ser acessórios em um mundo eminentemente masculino?

E quanto à linguagem, ao estilo… Bem, Dashiell Hammett fez tudo aquilo, e primeiro. Só que é escritor de romance policial, não tem o moral de um escritor “sério” como Hemingway.

Não interessa que a linguagem seca, concisa de Hemingway não seja primitiva, e sim o resultado de muito esforço. E daí? Consciente ou não, brilhante ou não, ele continua um chato.

E Deus sabe o quanto eu tentei mudar essa opinião. Li o primeiro livro, achei ruim, mas tentei o segundo. Achei ruim, mas tentei o terceiro. Achei ruim, mas tentei o quarto.

Hemingway conseguiu me vencer.

5 thoughts on “Por quem os sinos dobram

  1. Vc acha ruim o que ele escreve ou como ele escreve?
    Vc conseguiria retratar com aquela linguagem o mesmo que ele?
    Como imagino que vc deva conhecer a historia de Hemingway sabe que ele não era considerado (como Hammet) um escritor sério e sim um jornalista documental e que a visão de pessoas que consideravam sua obra mediocre mudou?
    Talvez algumas pessoas ainda não compreendem um autor policial como não compreendiam hemingway.
    Ah! O fato de vc não gostar de um estilo de literatura (ou não entendê-lo) não o torna melhor nem pior. procure observar um pouco mais quem sabe descubra que o que vc gosta e o que detesta sejam no final muito parecidos.

Leave a Reply to Bruno Cancel reply

Your email address will not be published.