As grandes verdades da vida

De vez em quando alguém vem parar aqui e cita um bocado de filósofos, como se isto aqui fosse algo mais que um antro de bobagens, como se eu tivesse lido quaisquer um deles.

Tudo bobagem.

Cânt, Ráideguer, Quirquigard, Rêguel, Montesquiê, Loque, Robes, um bando de bobos que nunca passaram sequer perto das grandes verdades da vida.

Tudo besteira.

Digo isso com a tranqüilidade de descende de uma grande linhagem de pensadores, de quem nasceu na família de maiores filósofos que o mundo inteiro já conheceu. Gente profunda que investigou com vagar as grandes questões da vida, e de suas jornadas pelas brenhas da mente emergiram com frases que definem a existência e a metafísica. Ao invés de gastar páginas e páginas com palavreado difícil, souberam oferecer em poucas frases avaliações profundas sobre o ser humano, sobre o valor da prudência, sobre a capacidade de ver além das aparências e sobre as vantagens da falta de soberba.

Do velho Oscar Valois, meu bisavô:
“Tem gente para tudo neste mundo e ainda sobra um para comer merda”.

Do velho Romário Maia, meu avô:
“Bala não tem nome nem endereço.”

Do velho José Rabelo, tio-avô:
“Quem come cara é bexiga.”

De João Marcelo, primo distante e já velho, apesar de não admitir:
“Quem come qualquer coisa está sempre mastigando”.

Aí está toda a sabedoria acumulada em séculos de vida tranqüila e proveitosa. E mais que isso não é preciso.

19 thoughts on “As grandes verdades da vida

  1. Meu avô era um grande pensador. Adorava o cheiro dele, tinha cheiro de cigarro de palha misturado com cachaça pura da roça. Fazia cestos de bambu e buscava lenha todos os dias. Quando morreu eu tinha uns 9 anos e desde que eu entendo o que é sofrer essa foi a pior dor até hoje, doeu muito. Sinto muita saudades dele, gostaria de ter ouvido mais, aprendido mais e sido menos travessa. Me lembro dele correndo atrás de mim entre uma pequenina plantação de mandioca porque tinha pegado eu e minhas primas brincando de namorado. Ele nâo pretendia bater na gente mas nâo perdia a oportunidade de tirar um sarro e depois transformar o episódio em piada. Era o melhor contador de causo que eu já conheci. Saudades do vovô.
    Delícia de post Rafa.

  2. Acuma? Rapaz, eu acho que filosofia serve só pra impressionar namorada, nada mais. Os ensinamentos do dia-a-dia é que valem pra vida toda. Como fritar ovo, por exemplo.

  3. Segundo o meu velho avô Marcelino, português emigrado para o Brasil, “antes rico e com saúde do que pobre e doente”. Não se deixem enganar pelo sabor lusitano da pérola. Ela contém grande sabedoria iniciática.

  4. Rafal, vc tem razão. E te mando esta, do meu avô Pedro Badaco, que se aposentou maquinista em Minas:
    “Não há bão sem ruim, nem ruim sem bão.”

  5. “Procure pra barriga e não pra o espinhaço”, admoestava-me sempre o meu finado pai, quando percebia qualquer desvio do caminho da salvação. Hoje sou um homem justo. E gordo.

  6. saudades… sonhei com vc essa noite, sua peste! me perturbando o juizo como sempre… ve se manda notícias… beijos!

  7. Existem sempre um filósofo véio para um aprendiz cansado ou vice e versa…

    Adoro tanto os “bobos” que vc citou quanto as figuras que fazem ou fizeram parte da vida de cada um de nós…

    “verdadeira sabedoria é que grita na própria rua. Nas praças públicas está emitindo a sua voz.

    Clama na extremidade superior das ruas barulhentas. Às entradas dos portões da cidade diz as suas próprias declarações:

    “Até quando continuareis vós, inexperientes, a amar a falta de experiência, e [até quando] tendes de desejar vós, zombadores, a flagrante zombaria, e [até quando] continuareis vós, estúpidos, a odiar o conhecimento?”

    heheh….estou levemente bíblica hj..

    Beijocas

  8. Filosofia perfeita, dispensa qq filósofo pago pelo governo. dãr…

    Tbm tenho amigos fantásticos filósofos:

    Minha muié me ama. O problema é que ela bebe e, quando ela bebe, ela se transforma em OUTRA mulher e essa OUTRA, aaahhhh… essa OUTRA não me ama.

    mais frases filosóficas em http://spaces.msn.com/ila1204/blog/

  9. Meu saudoso pai me disse uma vez: ‘não importa o que você venha a fazer na vida, faça bem feito’. Parece simples e fácil, não é?

  10. Oi Wilson

    Tb tenho esssa filosofia de vida…que é magistralmente aplicada, principalmente quando me comprometo em fazer merda…

  11. oi! acho que somos parentes, meu avô se chamava mario valois galvão. espero sua resposta. abraços sonia

  12. Meu bizavô dizia:

    “Mais vale perder um minuto da vida do que a vida em um minuto”

    Ou então para o taxista:

    “Vá devagar que eu estou com pressa”

    Fantástico, né?

    100+ 8)

  13. Sempre achei muito massa quem gosta e sabe ” folosofar” mas vc veio mudar meus conceitos! Um texto simples e conciso, mas muito bom! Parabens! 🙂

  14. Do velho e sábio portuga meu pai: Em tempo de guerra não se limpa a espingarda!

  15. ADOREI!!!!!!!!!!!!!
    FAZ-ME LEMBRAR DOS DITADINHOS DA MINHA AVÓ… TENTAREI ENVIAR ALGUNS..
    QUANDO MINHA AVÓ SE ACHAVA INJUSTIÇADA, BATIA NA PAREDE FAZENDO CRUZ E DIZENDO ESSAS PALAVRAS: ( EU ME CHAMO CÁ TE ESPERO, GUARDO PÃO PRA MAIO E LENHA PRA ABRIL)
    ****************************************************
    E QD ELA DUVIDAVA DE ALGUMA AFIRMAÇÃO, DIZIA: ( EU COMO UM VAGÃO DE NÓ DE CANA SE ISSO ACONTECER..)
    UM ABRAÇO….

Leave a Reply to Cabamacho Cancel reply

Your email address will not be published.