Editorial

A Julia tem me sugerido colocar um contador de visitas neste blog.

Nunca.

A razão é bem simples. Na hora em que eu souber quantas pessoas vêm até aqui (meu ego gosta de imaginar milhares de pessoas vindo regularmente e se retirando em silêncio), ele deixa de ser o que deveria.

O fato é que nunca gostei muito de blogs. “Hoje saí com o Pê, comentei que o cabelo da Quê tá horrível, ri muito com a Pê”. As vidas dos outros, mesquinhas e pequenas como a minha, definitivamente não me interessam. É por isso que aqui neste blog há tão pouca informação pessoal.

Passei a escrever este blog para poder tirar da cabeça, ou registrar de alguma forma, uma série de bobagens em que penso diariamente. Um comentário para mim mesmo. Disseram que ele é eclético; na verdade é anárquico, no pior sentido da palavra. É só um amontoado de idéias desconjuntadas e mal-cozidas, só isso.

(Quase 150 posts depois, eu mesmo ainda não sei direito o que é este blog. Não é um diário online; tampouco um blog jornalístico. Provavelmente é apenas Rafael se dando o direito de ser cabotino quando quer, contando muitas vantagens e poucas desventuras [inversamente proporcional à vida real], escrevendo o que quer na hora que quer.)

Mas com um contador isso acabaria. Por vício profissional, talvez mesmo de caráter, eu passaria a escrever para as pessoas que viessem aqui. Tentaria descobrir quais os posts preferidos e me ateria a esse estilo. Não que isso fosse uma decisão consciente, mas depois de tantos anos escrevendo para convencer os outros, isso é inevitável. Além disso, se eu finalmente percebesse a verdade — 3 visitantes por dia — ia acabar revoltado e jogando tudo para o ar.

O blog continua sem contador, Julia.

2 thoughts on “Editorial

  1. Mas vc não quer saber como as pessoas acharam vc? Ah… que pouca curiosidade! Quando te colocarem no Blogs of Note quero ver! hehehehe

  2. Acho interessante seu ponto de vista!!! Acho que a Julia está sendo “curiosa demais”!! Qual a razão de querermos saber de onde vieram nossos fiéis leitores??? Eu por exemplo…apareci aqui por causa do Blog da Mônica…mas já conhecia a Julia…portanto…somos apenas “elos” da corrente!!

Leave a Reply

Your email address will not be published.