O Aldo Rebelo do Bahnhoff Zoo

Aldo Rebelo é aquele deputado pelo PCdoB que cismou em encetar uma cruzada à la Brancaleone em defesa do idioma português, uma espécie de reação filológica à globalização.

Acontece que o Aldo é deputado (aparentemente desocupado à época) em um país sub-desenvolvido. Seu projeto de lei era defensivo. Em países ricos a batalha até pode ser a mesma, mas é claramente expansionista.

O embaixador da Alemanha na Inglaterra, Hans-Friedrich von Ploetz, está tentando fazer com que o ensino do alemão seja compulsório nas escolas inglesas. Não tenho dúvidas de que esse senhor é o Aldo comendo chucrute, bebendo cerveja e cantando “Lili Marlene”.

O Hans é o doppelganger do Aldo.

Lá no fundo, na essência dessas duas cruzadas, a idiotice é muito, muito semelhante.

(Um jornalista americano, comentando essa matéria, disse que Hans deveria lembrar de uma frase do rei inglês Carlos V: “Eu falo em espanhol com Deus, em italiano com as mulheres, em francês com os homens e em alemão com meu cavalo.”)

4 thoughts on “O Aldo Rebelo do Bahnhoff Zoo

  1. Eu acho fundamental que se valorize o nosso idioma, Rasti. Pelo menos para mim, é irritante ver anglicismos quando há tantas e tantas opções de vocábulos em português. Verdade seja dita: nosso povo, o que inclui enorme parcela do que se considera elite sócio-cultural, não sabe nada de português. As pessoas não sabem pensar, não sabem se expressar e, claro, escolhem as poucas palavras que conhecem, incluindo as estrangeiras. O Brasil foi considerado o pior país, dentre os avaliados, na prova internacional de interpretação de textos complexos. Isso é uma vergonha. Projetos como o Dep. Aldo Rebelo podem parecer ridículos a primeira vista simplesmente porque são parciais. Seria preciso um conjunto de ações muito mais contundentes para reverter o triste quadro da “inteligentsia” nacional. Não se trata apenas de defesa do idioma. É parte de um movimento para a defesa da educação e cultura como um todo. Falar inglês e francês pode ser “chique”, mas não falar português é vergonhoso.

  2. A questão é a seguinte: O importante é o “cavalo” entender o que Vc diz!! Isto é…não adianta Vc Falar 5 ou mais línguas…e não se fazer entender!! Ou pior…não saber o Português!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published.