O irmão do diabo não é tão mau

Mas para não dizer que todos os Bush são imprestáveis, eis que aparece o irmão do presidente, Neil Bush, para resgatar o bom nome da família.

Neil é conhecido por usar o nome dos Bush para descolar um trocado. Se mete em escândalos financeiros desde 1988. Entrou há pouco num negócio com o filho de Jiang Zemin, ex-presidente da China, que vai lhe render dois milhões de dólares. Tem complicações referentes à paternidade de uma criança. E admitiu que nas suas viagens à Ásia tem feito boas farras com as moças de vida fácil.

Seu depoimento é brilhante:

Ele admitiu no depoimento que fez sexo com várias outras mulheres em viagens anteriores para a Tailândia e Hong Kong, há pelo menos 5 anos.

As mulheres, disse ele, simplesmente batiam na porta do seu quarto de hotel, entravam e faziam sexo com ele.

Ele disse não saber se elas eram prostitutas porque nunca pediram dinheiro, e ele não pagou a elas.

“Sr. Bush, o senhor tem que admitir que é extremamente notável que um homem abra a porta de seu quarto de hotel e tenha uma mulher ali, em pé, e faça sexo com ela”, disse Brown.

“É, foi bastante incomum”, disse Bush.

A notícia completa está aqui.

Neil Bush para presidente. Pelo menos o mundo vai poder rir enquanto é triturado.

4 thoughts on “O irmão do diabo não é tão mau

  1. Eu não sei porque tanta merda na cara do george w. bush (letras minúsculas mesmo). Ele só ta ali para ir na frente de um microfone, e dizer oque lhe mandaram. Um bonequinho. E é por isso que ele entrou — e vai continuar — na casa branca. Os diabos são aqueles 5 idiotas. Mas não é que o bush não mereça uma merda no meio da cara… Um grande abraço, até.

Leave a Reply

Your email address will not be published.