Lemingues

Cresci acreditando que lemingues, quando em vez, piravam o cabeção e pulavam em bando do penhasco mais próximo.

Agora, através de uma notícia lida através do Boing Boing, fico sabendo que tudo aquilo era uma fraude criada pelos cinegrafistas da Disney.

Nessas últimas décadas, o suicídio coletivo dos lemingues se tornou um fato consumado. Vi em inúmeros lugares gente de boa fé especulando sobre as razões do desvario: controle populacional era a tese aceita mais amplamente, mas não faltava gente para dizer que tudo aquilo era pura e simples maluquice. Nunca se chegou a nenhuma conclusão definitiva.

Não se chegou porque elas não existiam. O mito de lemingues como pequenos Jim Joneses é só isso, um mito: a situação mostrada no filme foi fabricada artificialmente durante a produção de um documetário da Disney. Isso é ainda mais canalha porque muita gente — eu inclusive — cresceu utilizando como referenciais aqueles documentários. Eu os via todo sábado, na Disneylândia.

Mas o que é o problema de um bobo crédulo em um mundo louco? Nada. Complicadas, mesmo, são duas perguntas que a questão levanta.

A primeira: onde é que o mundo jornalístico ou científico, sei lá de quem é a culpa, estava para perpetuar uma lenda urbana desse tipo?

Segunda: o que fazer com aqueles milhões de cópias de Lemmings, o joguinho de computador cuja premissa se tornou, de repente, mais falsa do que os peitos da Pamela Anderson?

A Disney devia arder no inferno por isso.

4 thoughts on “Lemingues

  1. Eu sempre disse que Disney era o Capeta, ninguém me acreditou, alguns até me ridicularizaram, mas eu disse! eu disse! eu disse!

  2. meu professor de ecologia disse essa historia de que os lemingues se suicidavam em bandos,nao acreditei.Por isso decidi pesquisar.mande noividades.Enquanto isso eu falo com meu professor

  3. A Disney realmente é do capeta… o que vc´s acham que é o mickey??? Um camundongo??? nããão… é o Sinhô Casco de Fenda.. Lúcifior..

  4. Se tu aiiinda quiser saber…
    “Quando o n.º de lemingues atinge o máximo, os jovens machos migram procurando pastagens mais favoráveis, morrendo muitos afogados. Os lemingues, ao contrário do que se pensava, não se suicidam mas sim morrem na confusão de tantos empurrões e puxões que os conduzem à água em locais desfavoráveis.”

Leave a Reply

Your email address will not be published.