The Beasties

No dia 25 de fevereiro de 2004, grande parte da internet se vestiu de cinza, fazendo parte da Grey Tuesday.

Era um protesto contra a imbecilidade da Apple ou EMI, não lembro direito, mandando o DJ Danger Mouse tirar do ar o seu Grey Album, um disco com remixes de músicas do “Album Branco”, dos Beatles.

Acima de tudo, aquilo era uma imbecilidade. Contra a liberdade de criação, mas principalmente contra eles mesmos: a ordem virou contra eles e de repente todo mundo fez daquilo, com justiça, um ato de desobediência civil, um cavalo de batalha em defesa

A confusão ajudou a esconder o fato simples: o disco era ruim de doer. Muito antes da ordem judicial eu já havia baixado duas canções e desistido. Em uma palavra, medíocre. Ou lixo, se preferirem. É chato ter que

Agora é a vez do DJ BC apresentar The Beasties. E este é tudo o que o outro deveria ser. É muito, muito bom: uma boa mistura de Beatles e Beastie Boys, especialmente as faixas 8, 2, 7 e 9.

Por esse, sim, valeria a pena armar um fuzuê.

3 thoughts on “The Beasties

Leave a Reply

Your email address will not be published.