Comentários dos comentários

Paulo: quanto à questão do direito de uma gestante a se suicidar, posso concluir então que ela pode fazer isso logo após parir, correto?

Julia: acho engraçado quando as pessoas usam medidas diferentes para julgar a mesma questão. Por exemplo, se o abortado fosse Hitler, diz-se “como ela poderia saber?” Mas se é Jesus (obviamente estou vendo tudo sob uma perspectiva histórica e desconsiderando eventuais Anunciações; se quiser, pode substituí-lo por Gandhi, Luther King, Madre Teresa, irmã Dulce ou qualquer outro) se diz um “pois é”, quando a pergunta deveria ser a mesma: “como ela poderia saber?”. A pergunta é feita para dar o benefício da dúvida a qualquer feto, sob uma ótica positiva. Mas esse mesmo benefício pode ser dado sob a ótica inversa.

Beto: as pessoas podem retirar um rim ou um pulmão na hora que quiserem. Aliás, às vezes doar um rim é uma obrigação moral. E tenho a séria desconfiança de que, se quem precisasse fosse certo acidente genético (aquela mocinha que é linda mesmo parecendo com o pai), você daria os dois. No que diz respeito à questão de prevenção, aqui não se está dizendo que aborto é algo louvável ou condenável: apenas que é um fato inegável e que o Estado tem o dever de respeitar isso, garantindo o bem estar dos cidadãos. Finalmente, quanto à questão de marketing (o que seria impossível pela regulamentação do CONAR, ainda que o governo permitisse), que tal essas campanhas “maravilhosas”: “Faça seu aborto aqui e ganhe camisinhas grátis por um ano!”? Ou “Clínica de Abortos São Miguel: de anjos nós entendemos”? Ou “Ele botou? Nós tiramos!”? Ou…

5 thoughts on “Comentários dos comentários

  1. Rafa, se o aborto for legalizado você tá feito na vida! Já criou três campanhas publicitárias para as clínicas! (Se virar milionário, não esqueça as amigas. Os amigos você pode esquecer) ;))

  2. Cada um sabe de sí… Se alguém resolve tirar a própria vida…é uma pena…mas…ela tem o livre árbitrio!! Já sobre as campanhas…só mesmo levando na “esportiva”…pois é um assunto muito sério!

Leave a Reply

Your email address will not be published.