Batman

Gosto de quadrinhos. Gosto de super-heróis. E de todos, o meu preferido é o Batman.

O Batman é um dos super-heróis mais críveis. Aquela história de o sol amarelo dar a força do Super-Homem é balela; além disso o sujeito pode tudo, é um chato. O Homem Aranha é legal, mas vamos admitir: se você fosse picado por uma aranha radioativa não ia desenvolver super-poderes, você ia era pegar um câncer.

O elemento básico em tudo isso é que ser um super-herói como o Super-Homem ou o Homem-Aranha era impossível para crianças e adolescentes como eu.

Mas o Batman, não. Eu não poderia ser Namor ou o Capitão Marvel — mas poderia ser o Batman. Em tese é possível: basta ver seus pais serem assassinados na sua frente, ser milionário e poder dedicar sua vida a combater o crime. Ele não tem nenhum super-poder; apenas treinou bastante para ser o que é.

Mas a verdadeira razão pela qual gosto do Batman é mais obscura: o sujeito é louco. Se há algum super-herói sempre na corda bamba, sempre a um passo de fazer uma grande cagada, é ele. Bruce Wayne é um monomaníaco paranóico, um sujeito bem parecido com os vilões que combate. E é isso que é fascinante nele.

4 thoughts on “Batman

  1. gosto do demolidor.
    pra mim não tem melhor.
    depois do wolverine esse e doido de pedra, é escroto e mora longe. hehe

Leave a Reply

Your email address will not be published.