Para aqueles que sentem saudades do sol

Para aqueles que, como eu, acham um dos maiores tormentos do mundo dormir e acordar cedo, o Seattle Times tem uma matéria ensinando a enganar seu relógio biológico.

A idéia de acordar e dormir cedo é uma herança maldita dos tempos em que não havia luz elétrica. As pessoas acordavam cedo para aproveitar o máximo possível da luz solar, o único momento em que elas podiam ser produtivas. Além disso, a noite era perigosa, em todos os sentidos. Elas podiam se perder, as feras podiam atacá-las.

Para que se tenha uma vaga idéia de como a noite era um período tão ruim, tão diabólico, era nesse período que aquela raça miserável se reproduzia, se preparando para assolar a Terra e extinguir os outros seres vivos.

Em tempos de internet virou um anacronismo imperdoável.

Durante muito tempo, me conformei com essa ditadura porque, afinal, pensava fazer parte de uma minoria. Mas eu estava enganado, e essa revelação me deixou chocado até agora. Segundo especialistas em sono, 10% das pessoas são matutinas, e 20% são noturnas (o resto fica no meio, se virando como pode). Ou seja: nós estamos sendo vítimas das taras de uma minoria.

E eu que um dia pensei que a Internet iria nos livrar dessas convenções pré-históricas.

Leave a Reply

Your email address will not be published.