Pietro

Pietro liga para o pai, Paulo Lobo, choramingando. Ele tem quatro anos.

Ele reclama que sua babá o chamou de bebê.

Paulinho explica ao filho que ela o chamou assim por carinho, porque gosta dele.

Mas Pietro não se consola.

— Eu não sou bebê. Eu já sou um homem.

E, ainda choramingando, cobra providências do pai.

2 thoughts on “Pietro

  1. Rafael,
    Tadinho do Pietro…!

    Quando venho aqui, aproveito para ler tudo e acabo relendo alguns posts anteriores, mas prefiro comentar tudo no útimo post. Quanto ao post abaixo, da Chechênia, é incrível como pessoas que julgamos inteligentes se deixam levar pelas próprias ideologias, esquecendo-se de observar os fatos. Eu costumo me surpreender.

    Conheci um outro Rafael Galvão, de mais de oitenta anos e que faz jus ao nome: homem culto, educado e informado. Um gentleman!

    E isso é auto-estima, sim!
    Ciao.

Leave a Reply

Your email address will not be published.