Sobre os comentários neste blog

É engraçado que algumas pessoas achem que o espaço para comentários neste blog é delas, independente do que digam.

Se sentem no direito de postar comentários off-topic, meramente ofensivos, qualquer coisa. Até anúncio de michê (goiano, claro) já apareceu por aqui.

Mas embora nunca tenha sido explícita, este blog tem uma política de comentários.

Ela parte de um princípio básico: este blog é meu. Não é um espaço aberto, livre ou público. Eu pago por ele, eu decido o quê e quando se publica algo aqui. É simples assim. Posso ser um velho dinossauro marxista, mas ainda acredito um tiquinho na velha e boa propriedade privada. E esta terra tem dono.

Dentro desse princípio, o espaço para os comentários é disponibilizado para que as pessoas dêm sua opinião, corrijam, comentem, conversem entre si. Grosso modo, é uma área em que eu evito escrever. Podem descer a lenha no que eu digo, desde que com um mínimo de educação e com um mínimo de consistência. É preciso lembrar, no entanto, que há uma linha a ser seguida. Em primeiro lugar, ofensas a outros comentaristas são apagadas sumariamente. Essa regra é imutável e inegociável.

Ofensas a mim são analisadas caso a caso. Xingamentos primários são sumariamente excluídos, mesmo que dêm um bom post, porque a imbecilidade cansa. O blog não está aqui para que as pessoas descarreguem sua inguinorança. Discordâncias em que as pessoas peguem mais pesado (como este, por exemplo) vão depender do meu humor do dia.

(Usando ainda o exemplo citado acima, se o tal Milton tivesse justificado a razão do meu comentário ser “vazio”, seria considerado perfeitamente legítimo. Também me reservo o direito de responder apenas a provocações escritas em bom português, o que não é o caso. Além disso, é preciso ser muito burro para não perceber que eu queria, sim, estar no lugar do menino. A sogrona do rapaz era uma gata, apesar do silicone.)

Fora isso, alguns esclarecimentos. Para manter o spam de comentários sob controle, este blog utiliza o MT-Blacklist. Ele automaticamente modera os comentários a posts com mais de cinco dias. Vi dia desses que às vezes ele extrapola e modera o que não deve, mas considerando a alternativa, esse é dos males o menor.

12 thoughts on “Sobre os comentários neste blog

  1. Calma rafael! O Milton não entendeu nada do seu texto. Críticas de crianças tolas, adolescentes revoltados ou adultos agressivos devem ser ignoradas. Que tratem seus traumas em outro lugar!

  2. Isso parece até lista de regras de colégio militar.
    Todos em ordem unida ouvindo o Sargentao ler as regras no primeiro dia de aula!
    Já vou avisando se censurar comentário meu eu choro, sou que nem crianca mimada no primeiro dia de aula….

  3. Gostei. A regra é clara. O post é privado e de livre acesso. Discordar é direito de todos mas elegância é fundamental. Quem não gostar que vá pra outro lugar. Acho o fim da picada essa gente infantil e desocupada que fica entrando em blog pra xingar e/ou criar intrigas. Lá no nosso blog de vez em quando aparecem uns malas assim. Já disse pro pessoal deixar eles “no váco” pois ninguém discute sozinho, não é mesmo?

  4. Ah, porque só o divã do analista é lugar de tratar os recalques e traumas? Snif…. 🙂 Não fique tão chateado, Rafael. Muitas vezes não temos argumentos e atacamos “de uma tacada só”. Exclui, brinca com a ironia e pronto. Depois “il s´en va tout seul”.. Um bacio!

  5. Antes de comentar fui ver o “este”.
    Está valendo a sua política de comentários, afinal, o blog é seu e o problema é seu! rs!!!
    []´s

  6. MICHÊ GOIANO? NOSSA SENHORA, CARA!!! DEVE TER GENTE POR AÍ QUE VIVE DISSO,MESMO!EU NÃO CONDENO,CADA QUAL COM SEU CADA QUAL!
    CUIDADO QUANDO JULGAR AS PESSOAS! NÃO SOU O QUE VOCÊ ESTÁ PENSANDO E ME DIVIRTO COM SEUS BLOGS E TB NÃO ME IMPORTO MUITO SE FALA DA MINHA TERRA! PODE METER O PAU!JÁ ME ACOSTUMEI COM VC!POSSO ATÉ CONFESSAR QUE VC ME DÁ TESÃO PORQUE EU SEI QUE NUNCA VOU TE VER! PESSOALMENTE NUNCA!É VIRTUAL, PLATÔNICO, SEI LÁ! SE APARECER ALGUM MERDA AÍ SE PASSANDO POR MIM,NÃO ACREDITE! ESCREVO ERRADO, FALO ERRADO, SOU TODO ERRADO MAS TRABALHO E NÃO PRECISO DE NADA! O DINHEIRO É MESMO A BESTA! O 666!PORÉM, SE NÃO É IMPOSSÍVEL VIVER SÉM ÊLE, ENTÃO CUIDE BÉM DO SEU!QUE EU CUIDO DO MEU!
    E TOCA SEU BONDE AÍ QUE VOU LENDO AQUÍ!QUANDO BEBER, VOU ME SEGURAR PRA NÃO TE ESCREVER E REVELAR AS MINLHAS BESTEIRAS!FALEI!?

Leave a Reply

Your email address will not be published.