Pensamento do dia de Rafael Galvão, o filósofo do povão

E o pior é que todo mundo peida.

16 thoughts on “Pensamento do dia de Rafael Galvão, o filósofo do povão

  1. Eu nunca entendi como fumar, algo que fede e faz mal, é algo socialmente aceito (ainda que muito criticado), e peidar, que fede e faz bem (já que prender deve fazer mal), é algo socialmente condenável.

    E você ainda reclama dos que não gostam de cigarro. 🙂

  2. rafa se o povo nao peidasse, ia acumular mais merda na cabeça..pode ter certeza, o mau humor da humanidade tava pior… me disseram q hitler nao peidava bem..

  3. Rapaz, nunca tinha pensado que um peido fosse gerar uma frase filosófica dessa, rsrsrs. Mudando de assunto, minha filha disse que tem uma comunidade no Orkut chamada “Será que a Sandy caga?” ou algo do tipo. Eu morri de rir porque ela é tão bonequinha que passa a impressão de que não caga.
    Beijocas

  4. Rafa, vou te apresentar minha avó… Além da sinfonia de peidos ela tem um ditado que solta, sempre que libera algum: “Bufa cu que é tempo de umbu, quem é furado não morre inchado!”

  5. Imagina a Lady Di soltando uns punzinhos… com dor de barriga… daquelas que tem que correr no banheiro…
    Que nem Paris Hilton que parou num posto de gasolina em SP a caminho da entrevista coletiva (ou algo assim) que ela ia dar.
    Deve ter peidado horrores!

  6. A Dna.Anunciata,tadinha,quantos ela já Ñ soltou?com 98 anos,Deus me livre e guarde.Cega,muda e surda,será que ela faz pum?

  7. eu acha que pior de todos aquele que e egoista, peida embaixo de endredon e
    cobre a cabeça , so para ele sentir a cheiro , e o outro e terrorista com uma peido
    mata 10, outro e indesiza , nao sabe se esta peidando ou cagando, outra e oportunista , esse diz que e brasileira em, quando passa na rio tiete aproveita a cheiro fedorenta da rio e peida, para aproveitar a oportunidade, esse e esperta hemm hehehehehe
    descupe, palavra incorreta, eu ser italiana, ok mas ama brazil ama carvanal
    bacio

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *