Vita brevis

Não sei quantas vezes já disse que não gosto de Hemingway. Não gosto, digo de novo.

Mas há um conto dele que me dá calafrios, porque de vez em quando o gênio é tão fragrante, tão óbvio que até eu o reconheço quando vejo. Eis aqui o conto completo:

For sale. Baby shoes. Never worn.

Para Arthur C. Clarke, esse é o menor conto que Hemingway escreveu.

Discordo. Esse é o melhor e maior conto que alguém não escreveu.

One thought on “Vita brevis

  1. Olá Rafael! Quanto tempo que não venho aqui! Mas é sempre um prazer visitá-lo. Adoro comprar livros em sebo, praticamente todos os meus poucos exemplares são usados. Sinceramente livro deveria ser menos caro! Se eu trabalhasse creio que boa parte do meu salário seria para comprar livros e CD’s, queria ler tudo que me interessasse, mas nem sempre é assim! No momento estou lendo “O Conde de Monte Cristo”, acho o Alexandre Dumas, um mestre da literatura francesa, não sei se é por causas da tradução, mas suas obras são tão fáceis de ler, você não acha? Bom, um abraço pra você e sucesso nesse seu novo diário virtual, o Blogger Brasil já era para muitos de nós, fico feliz por você! Tchau…

    P.S.: Já ia me esquecendo! Agora estou no Blogspot.

Leave a Reply

Your email address will not be published.